Postado em 24/09/2021

3082 visualizações

Saiba por que você deve usar um planner para se organizar

Muitas vezes, ao final de uma semana de muito trabalho e compromissos pessoais, temos a sensação de que os dias passaram voando. Quem nunca se sentiu frustrado por não ter conseguido fazer tudo o queria? É normal, porém, uma ferramenta super acessível pode te ajudar a virar o jogo: o planner mensal.

Se a palavra organização faz parte da sua rotina, com certeza, você entende o quanto um bom planejamento das atividades particulares e profissionais contribui para que os dias sejam mais produtivos. Sobra mais tempo para ficar com a família, sair com os amigos, viajar e investir em novos cursos, por exemplo.

Entretanto, dependendo do tamanho da sua lista de responsabilidades, administrá-la pode ser um grande desafio. Apesar da tecnologia estar presente o tempo todo no nosso dia a dia, retomar o antigo hábito de fazer as anotações em uma folha de papel pode ser a melhor solução.

É aqui que entra o planner mensal. Se você ainda não o conhece, saiba que milhares de pessoas já não abrem mão desse recurso como aliado no planejamento e execução tanto das tarefas de casa quanto do trabalho.

Para que serve um planner mensal?

Há quem faça confusão com as famosas agendas. Apesar de alguns modelos também terem formato de caderno, os planners são mais completos do que os diários que nos acompanham desde a adolescência.

Ao pé da letra, planner, palavra de origem inglesa, significa planejador. Ou seja, trata-se de um bloco de folhas ou quadro com divisões estilo calendário que permite relacionar metas, reuniões de trabalho, planos de estudo, atividades diárias, encontros familiares, despesas, entre outros. 

Mais do que anotar para não correr o risco de esquecer, o planner é utilizado para estabelecer a ordem e os horários (se for o caso) em que as ações serão realizadas  tanto a curto quanto longo prazo. Dessa forma, irá te ajudar a otimizar o tempo e percorrer o caminho certo para alcançar os seus objetivos.

Vamos dar um exemplo prático no campo profissional. Todos sabemos que hoje as redes sociais são excelentes ferramentas para divulgação de produtos e serviços. Todavia, é preciso criar uma frequência de postagens para se manter sempre conectado ao seu público.

Com o auxílio do planner, é possível definir uma lógica de conteúdo, quando será produzido e quais dias e horários será publicado. Em outras palavras, o propósito é que ele contribua para a organização das ideias – que podem ser inúmeras – e do trabalho de execução.

Agora, vamos pensar em um momento de lazer como, por exemplo, uma viagem. Geralmente, pesquisamos os lugares que desejamos visitar, levantamos os custos e criamos uma planilha para controle financeiro. 

Em seguida, definimos a programação de cada dia da viagem. Antes do embarque, é imprescindível ter um check list à mão para não deixar algo importante para trás. E não dá para esquecer a lista de lembrancinhas. Ufa! É bastante coisa, não é verdade? Mas, tudo isso pode ser anotado facilmente em um planner. 

Planner mensal para controle financeiro

planner mensal para organização de tarefas domésticas

Para muitas pessoas, controlar o que entra e sai da conta bancária é um grande desafio. Nesse caso, é comum não se saber exatamente com que foram gastos os valores que entraram ao longo do mês. Contudo, pior é precisar do dinheiro em uma emergência e não ter uma reserva.

Para evitar esse tipo de sufoco, a estratégia é acompanhar, literalmente, na ponta do lápis, os ganhos e gastos. Além de impedir que você gaste mais do que recebe, vai te dar uma noção melhor do quanto é possível poupar. Portanto, proporcionará mais tranquilidade a você e sua família. 

Com o planner mensal, controlar as finanças torna-se uma tarefa muito mais fácil. Há modelos, por exemplo, com campos para relacionar informações bancárias, compras parceladas, investimentos, despesas fixas e variáveis, além de anotações básicas como saldo inicial, entrada, saída e saldo final.

A dica é fazer listas diferentes para cada categoria: alimentação, transporte, educação, saúde, lazer, vestuário, entre outros. Dessa forma, é possível ter uma visão mais ampla de quanto se gasta com cada área e avaliar onde é possível economizar.

Mas, é preciso ter disciplina. Não vale registrar apenas algumas compras e receitas, deixando outras para trás. Isso vai te impedir de ter uma visão real da sua vida financeira. Sendo assim, pegue todas as notas fiscais ou conte com o auxílio do aplicativo do seu banco para não deixar passar nada. 

Em suma, com todas as informações visíveis no planner, a administração do seu dinheiro deixará de ser um bicho de sete cabeças e você terá a oportunidade de fazer novos planos. Pode ser o momento de economizar para comprar um carro novo ou realizar aquela viagem dos sonhos.

Como usar um planner mensal para estudos 

planner mensal para organizar tarefas escolar

Se você é estudante, o planner pode ser um grande aliado no planejamento das suas atividades escolares. Afinal, não dá para correr o risco de esquecer de estudar para uma prova ou deixar de fazer um trabalho por falta de organização.

Utilize-o para anotar os dias e horários de cada aula, datas de avaliações, atividades extracurriculares e leituras sugeridas. Além disso, aproveite para criar uma rotina de estudos. No final do semestre ou na época de vestibular, quando o período de provas se aproxima, vem o desespero. 

Se for feita uma programação com antecedência de tudo o que é preciso revisar, as chances de conquistar boas notas sem sofrimento são muito maiores. A dica é: não deixe para última hora. 

Defina as matérias, quando e em qual horário do dia irá estudá-las. Depois, é só colocar em prática sempre dando aquela espiadinha no planner. Aliás, essa é uma observação importante: de nada adianta anotar tudo e depois não consultar, concorda? 

O mesmo vale para trabalhos escolares. Use o planner para estabelecer quando irá realizar cada fase do projeto: pesquisa, criação de texto, busca de imagens, revisão, encadernação e entrega. Podem surgir imprevistos que exijam alterações, mas com tudo registrado fica mais fácil de não esquecer nenhum detalhe.   

Tipos de planner para se organizar

Além do mensal, existem ainda os planners semanal e anual. A diferença entre eles está, principalmente, no layout. Entretanto, alguns modelos acabam tendo mais opções de planejamento do que outros.

No planner semanal, como o próprio nome diz, é possível visualizar uma semana completa por vez. O layout pode ser em colunas ou linhas. Costuma ter um espaço para anotações e prioridades.

Por outo lado, se você tem muitos compromissos e se sente mais seguro tendo uma visão geral do mês, o planner mensal é perfeito. Os dias são divididos em quadrados ou retângulos assim como um calendário. 

Por último e não menos importante, temos o planner anual. Por motivos óbvios, esse modelo possui muito mais páginas do que os demais. Conta ainda com páginas de controle financeiro, plano alimentar, contatos, check list, entre outros.

Planner de Mesa

planner mensal corujinha spiral

Além do layout, os planners diferem-se também pelo formato. O modelo de mesa, por exemplo, consiste em um bloco de folhas tamanho A4 que pode ou não ter acabamento espiral. Há opções com páginas coloridas, decoradas com personagens ou mais discretas. 

O planner de mesa pode ser encontrado com divisão semanal, como o modelo Corujinhas da Spiral, ou mensal. É muito prático de usar, ocupa pouco espaço e ainda decora com bom gosto a escrivaninha na hora do trabalho ou estudos.

Quadro planner mensal de parede

planner mensal de alumínio easy office

Um formato de planner muito usado em escolas e empresas é o quadro branco. Fácil de firmar na parede, há modelos de material laminado melamínico e moldura de alumínio natural anodizado, como o quadro branco da Easy Office, e também de superfície de vidro temperado.

Tanto o primeiro quanto o segundo permitem que as anotações sejam feitas de forma simples com o auxílio de pincéis para quadro branco. Para remover as informações, só usar o apagador de quadro branco. Usando os materiais corretos, não há risco de manchar.

O quadro de vidro pode gerar certa insegurança, mas não há com que se preocupar: é bastante resistente a riscos e arranhões. Além disso, possui função magnética, ou seja, possibilita a fixação de bilhetes e fotos por meio de ímãs. Ambos podem ser encontrados com divisão semanal, mensal e anual.

Caderno organizador planner  

agenda planner permaente trendy

Para quem gosta de ter a relação de todos os seus compromissos sempre à mão, o planner no formato de caderno é perfeito. O modelo da DAC com motivo de borboletas é um exemplo. Fácil de levar na bolsa, é confeccionado com capa dura, mais de 90 folhas personalizadas e acabamento espiral.

É um tipo de planner anual que, além dos dias da semana, pode conter páginas com espaço para registro de despesas pessoais, contatos, aniversários, viagens, pagamentos, ligações, recados, lista de livros e séries, melhores momentos do dia, entre outros.

Ou seja, além de ser uma excelente ferramenta para planejar e organizar as suas atividades ao longo do ano, é uma excelente opção de presente. Sem dúvida tornará os dias da pessoa agraciada muito mais produtivos. 

Planner personalizado

Você sabia que é possível customizar o seu planner? Para isso, aposte em canetas coloridas, brush pens e pincéis marca texto. Com esses materiais, é possível desenhar, pintar, fazer marcações e deixar o planner com a sua cara. Confira no site da Kalunga todas ofertas e dê asas à sua imaginação!