Postado em 20/07/2022

3364 visualizações

Mini Volta às Aulas Kalunga – Renove o material escolar!

mini-volta-as-aulas-kalunga

As férias do mês de julho já estão chegando ao final. Daqui a pouquinho, os estudantes estarão retornando aos bancos da escola para se dedicar a mais um período de aulas. Sendo assim, esse é o momento em que os pais ou responsáveis dão aquela conferida na mochila da garotada para verificar o que é preciso repor e aproveitar as ofertas da Mini Volta às Aulas Kalunga.

Após um semestre de muitas anotações, provas e trabalhos, não é de se estranhar que alguns materiais tenham acabado como caneta, lápis, canetinha, cola, papel sulfite, entre outros. Além disso, o aluno pode ter perdido algo ou percebido que um item em especial pode lhe trazer benefícios como, por exemplo, um estojo de três compartimentos ao invés de um que contribuirá para uma melhor organização.

Portanto, a dica é avaliar tudo, fazer uma listinha e começar a pesquisar. Quanto antes isso for feito, ótimo, pois dá para comparar preços, aproveitar as promoções e condições especiais de pagamento. Na Kalunga, a campanha Mini Volta às Aulas acontecerá dos dias 19 de julho a 15 de agosto de 2022 com descontos em diversas categorias de artigos escolares.

Contudo, antes de conhecermos esses produtos, vamos entender como tem sido a volta às aulas presenciais após dois anos conturbados em razão da pandemia do Covid-19. A crise sanitária que se espalhou por todo o mundo, entre outras consequências, levou ao isolamento social, obrigando os professores a adaptarem o conteúdo das disciplinas ao formato online. 

Que dia volta às aulas em 2022?

A primeira movimentação em torno da retomada das aulas presenciais aconteceu ainda no segundo semestre de 2021. Para isso, houve a implantação de protocolos de segurança como o revezamento e o distanciamento de, no mínimo, 1 metro entre os alunos. Todavia, naquele momento, muitos pais ainda se sentiram inseguros em deixar seus filhos voltarem à escola.

Com o avanço da vacinação no país e a queda do número de infectados, os governos estaduais definiram que em 2022 ocorreria o retorno presencial no mês de fevereiro e assim aconteceu. Em São Paulo, por exemplo, as mais de 5.400 escolas da rede deram início às suas atividades no dia 7. A previsão é de que o ano letivo se encerre no dia 23 de dezembro.

Quando começam as férias de julho de 2022?

Se você está perdido quanto ao cronograma das escolas, saiba que o pessoal já está aproveitando as férias. De acordo com o calendário definido pela Secretaria de Educação do estado de São Paulo, o período de recesso vai de 11 a 22 de julho. Desse modo, a partir do dia 25 de julho inicia o 2º semestre para os mais de 3,5 milhões de alunos de 645 municípios.  

É verdade que as aulas vão voltar em agosto?

Em 2022, como mencionamos acima, o fim das férias será no dia 22 de julho. A dúvida em torno de agosto deve-se ao fato de que, em 2021, esse foi o mês previsto para o retorno de todos os alunos, após uma melhora no cenário pandêmico. Esse ano, com o quadro normalizado, as instituições estão seguindo o calendário convencional.

Material Escolar Mini Volta às Aulas

Todo início de ano, após as festividades, vem a preocupação em torno da famosa lista de material escolar. Como é composta por artigos que serão utilizados na execução das tarefas propostas pelos professores, é imprescindível não deixar faltar nada a fim de possibilitar o desenvolvimento do aluno.

Dependendo da série, é uma relação extensa; dessa forma, a estratégia é pesquisar bem antes de adquirir os itens e priorizar dois quesitos: qualidade e funcionalidade. Gastar pouco é a meta, no entanto, de nada adiantará pagar preço baixo por um produto que em alguns meses irá se desfazer.

Vamos para a prática: você pode optar por comprar uma mochila bem baratinha, mas se for muito pequena pode não comportar tudo o que é necessário. Se confeccionada com um material frágil, as chances de rasgar rapidamente são altas. Se o zíper não tiver costura reforçada, logo quebrará.

Para o segundo semestre, os pais podem ficar tranquilos, pois não há uma nova lista. Entretanto, é importante sentar com a garotada para fazer um check list do que está acabando ou já não tem mais condições de uso, principalmente se é algo aproveitado do ano anterior ou de outro estudante (quando se tem mais de um filho, essa é uma boa dica para economizar).

Têm famílias que adquirem alguns produtos de maneira fracionada ao invés de comprar tudo de uma vez em janeiro. Essa é uma forma muito inteligente de administrar a situação quando o orçamento da família está apertado. Se for o seu caso, atente-se ao que ficou faltando para garantir agora.

Lista de Material Mini Volta às Aulas

Para te ajudar a checar os materiais, fizemos uma seleção de itens que costumam acabar mais facilmente, pois são bastante usados durante as atividades em sala de aula ou até mesmo em casa como lição de casa ou trabalho. Será que são os mesmos que você está sentindo falta por aí? Vem com a gente! 

Lápis preto

Vamos começar a nossa lista de mini volta às aulas pelo lápis preto, item básico na vida de qualquer aluno que está aprendendo a ler e escrever. Formado por grafite, material que se desprende do papel quando em contato com a borracha, permite que o texto seja apagado quando há necessidade de fazer qualquer correção.

mini-volta-as-aulas-lapis-preto

Embora pareçam todos iguais, há lápis de corpo redondo, triangular e sextavado. Os dois últimos oferecem a vantagem de não deslizarem pela superfície, o que reduz os riscos de quedas. Além disso, são os mais recomendados para crianças por acomodarem os dedinhos com muito mais conforto.

Grafite de lapiseira

Apesar do lápis ser utilizado por estudantes de todas as faixas etárias, alguns adolescentes preferem a lapiseira escolar. A diferença entre eles é que o primeiro é composto por um cilindro de madeira com grafite fixo em seu miolo, enquanto o segundo, um tubo de metal ou plástico no qual a mina é inserida manualmente.

mini-volta-as-aulas-grafite-para-lapiseira

Para a projeção do grafite, deve-se pressionar um botão cujo funcionamento ocorre a partir de um mecanismo de molas. Isso quer dizer que é um artigo que exige maior coordenação motora e cuidado durante o manuseio. Por isso, não é indicado para os pequenos.

Agora, quem tem a lapiseira como aliada sabe que é preciso estar sempre atento ao tubo de grafite para não ficar na mão nos momentos mais importantes. Então, verifique a quantidade ainda disponível e, se não quiser se preocupar tão cedo com esse item (que é usado quase diariamente), invista em embalagens com 24, 48 ou mais unidades.

Caneta esferográfica

Não tem como falar de mini volta às aulas sem mencionar a caneta esferográfica. Talvez, você não esteja identificando-a pelo nome, contudo, trata-se do modelo de caneta mais popular. É usada para fazer anotações ou destacar informações tanto na escola quanto em casa ou no escritório. 

mini-volta-as-aulas-caneta-esferografica1

Apresenta uma esfera giratória minúscula de aço ou latão na ponta (ballpoint) que faz com que a tinta seja distribuída igualmente no papel. Dificilmente encontra-se uma pessoa que tenha apenas uma cor só no estojo. Azul, preta e vermelha são as clássicas, mas, para quem gosta de diversificar, há ainda os kits coloridos com tons intensos ou pastel, metalizados, retráteis e até opções perfumadas.

Giz de cera

Hora de analisar os itens de pintura, começando pelo giz de cera. Seu uso é mais comum na educação infantil, uma vez que é leve, pequeno, fácil de pegar e não contém substâncias tóxicas que possam colocar em risco a saúde das crianças. Dessa maneira, elas podem escrever, desenhar e colorir à vontade.

mini-volta-as-aulas-giz-de-cera

Em contrapartida, conforme a força aplicada durante o exercício, pode quebrar. Logo, não é raro que as partes se percam. Por isso, é bom aproveitar esse momento para dar uma olhada na caixa e se certificar de que os bastões estão inteiros e não está faltando nenhuma cor. 

Tinta guache

Se você tem filhos em idade pré-escolar, provavelmente, a tinta guache entrará na sua relação do mini volta às aulas. Afinal, quando os pequenos mergulham o pincel no líquido, não há quem segure. Em minutos, o papel ganha cor e movimento com as pinceladas que vão de um lado a outro. Isso quando a brincadeira não é deixar a marca das mãozinhas e dos pés.

mini-volta-as-aulas-tinta-guache

Tudo isso é possível porque é um produto atóxico e lavável. Então, os professores usam muito para estimular o desenvolvimento da coordenação motora, a percepção das cores e estimular a criatividade dos jovens artistas. Desse modo, não deixe faltar; os potinhos custam pouco e garantem muita diversão.

Lápis de cor

Depois que passa a fase da tinta guache e do giz de cera, vem a do lápis de cor e esta não tem idade para acabar, afinal tem muito adulto que adota a prática de pintar como hobby ou até terapia. Inicia-se com uma caixa de 12 tons, depois surge o desejo de ter mais opções. 

mini-volta-as-aulas-lapis-de-cor

É aí que entram em cena os estojos com 24, 50, 60, 72 e até 100 cores diferentes que vão desde as tradicionais até os pastel e cor de pele. Portanto, quando for fazer a lista do Mini Volta às Aulas, converse com a garotada para entender suas preferências e necessidades para adquirir um produto que atenda às expectativas. 

Caneta hidrográfica

Outro item que não pode faltar nas aulas de artes é a caneta hidrográfica. Igualmente conhecida como canetinha, hidrocor ou marcador permanente, é produzida à base de água com ponta de feltro fina, grossa ou dupla. A primeira permite fazer traços finos, sendo excelente para contornar e escrever. 

mini-volta-as-aulas-caneta-hidrografica

Por outro lado, a ponta grossa é ideal para preencher. Quer tudo em um único produto? Algumas marcas oferecem canetinhas com os dois tipos, um em cada ponta. Tem ainda aquelas que são bicolor e até mágicas, ou seja, quando aplicadas sobre um modelo comum, muda a cor, possibilitando trabalhos com efeito degradê.

Todas são laváveis e estão disponíveis em caixas ou estojos com 6, 10, 20, 24, 36 ou 48 unidades. Se esse é um artigo que faz parte da rotina escolar do seu filho, confere se todas as cores ainda têm tinta. Muitas vezes, usa-se uma mais do que a outra, finalizando antes das demais. Ciente, você já garante a reposição.

Marca-texto

Um grande aliado de quem gosta de estudar, sublinhando informações importantes é o marca-texto. Trata-se de um tipo de caneta hidrográfica com ponta porosa de feltro e tinta transparente que permite destacar o texto sem prejudicar a leitura. Isso ajuda muito quando o aluno precisa recordar algum conteúdo, visto que não terá que ficar procurando parágrafo por parágrafo.

mini-volta-as-aulas-marca-texto

Embora o amarelo fluorescente seja o mais popular, até porque é o mais antigo, atualmente, há outras cores disponíveis no mercado, como laranja, pink, rosa, roxa e verde. Já os tons, variam entre vibrante e pastel. O uso alternado ajuda a organizar melhor os conteúdos; logo, vale a pena o investimento.

Cola branca

Além de desenhar e pintar, atividades com cola branca também fazem parte do dia a dia das crianças na escola. É um produto que possibilita combinar papéis de diferentes cores e texturas, botões, palitos, fios de lã, barbantes, retalhos de tecido, glitter, entre outros materiais, estimulando a criatividade dos pequenos.

mini-volta-as-aulas-cola-branca

Quando a brincadeira começa, não tem hora para acabar, então, é bom verificar se ainda tem quantidade de cola suficiente para o restante do ano. Caso contrário, já anota para incluir na relação do “Mini Volta às Aulas” e garantir que os projetos sejam desenvolvidos sem nenhum imprevisto.

Papel sulfite

Se tem um artigo que se usa muito na escola ou até mesmo em casa para fazer a lição de casa ou imprimir atividades, é o papel sulfite. Apesar de estar disponível em outros formatos como A3, carta e ofício, a folha A4 é a mais comum nesse contexto. Encontra-se nas cores branca (tradicional), rosa, verde, amarela, azul e marfim e em diferentes gramaturas.

mini-volta-as-aulas-papel-sulfite

A sua popularidade deve-se ao fato de que é um artigo de baixo custo e muito funcional. Como tem superfície lisa e porosa com ótima aderência a pigmentos de lápis preto e colorido, tinta de caneta esferográfica, canetas hidrográficas e de cartuchos de impressoras, utiliza-se para a realização de diversos trabalhos, isto é, não pode faltar na lista da volta às aulas.

Material Escolar em promoção!

Já sabe tudo o que precisa comprar? Então, chegou o momento de acessar o hotsite Mini Volta às Aulas Kalunga e aproveitar as ofertas. Têm descontos incríveis em itens de excelentes marcas de todas categorias: cadernos e agendas; escrita e corretivos; arte e pintura; tecnologia; mochilas e lancheiras; papéis e pastas; material técnico e artigos para professores. 

E não para por aí: de 21 de julho a 15 de agosto de 2022, compras acima de R$ 150,00 podem ser parceladas em até 12 vezes sem juros nos cartões de crédito participantes. Entretanto, fique atento: essa opção é válida apenas para itens com o selo “Volta às Aulas”.

Para quem é de São Paulo e do Rio de Janeiro (capital e Grande SP e RJ), o envio é gratuito para pedidos superiores a R$ 250,00; para as cidades de Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre, acima de R$ 350,00. Precisa com urgência das mercadorias? A Kalunga oferece o serviço Entrega Super Expressa que funciona da seguinte maneira: você compra pelo site ou App e, em até 2 horas após a confirmação do pagamento, recebe a encomenda no local que escolher, pagando um frete de valor fixo.

Por outro lado, para quem tem disponibilidade de ir à loja, tem o Click e Retire. Compra-se pela internet e, em até 2 horas após a identificação do pagamento, retira-se gratuitamente em uma das mais de 200 unidades espalhadas por todo Brasil. Com tantas facilidades, não há alternativa melhor: corre para a Kalunga!